Justin Bieber Portuguese Forum
Ainda não te Registas-te?
Então aproveita e terás acesso a muito mais tópicos!
Regista-te e Diverte-te!



 
InícioPortalBuscarRegistrar-seConectar-seFAQ

Compartilhe | 
 

 my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3 ... 8 ... 15  Seguinte

o que achas da minha fic?
 secante
 óptima.
 boa.
 horrivel
 divertida.
 +/-
 só leio porque nao tenho mais nada para fazer ^^
Exibir resultados
AutorMensagem
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qua Set 29 2010, 22:47



UMA FIC DE AMOR INESQUECÍVEL!

resumo; mariana muda-se para atlanta e incrivelemnte fica na escola onde o cantor estrela po justin bieber frqequenta. ppois...mas isto nao e um conto de fadas porque as coisas nao vao correr como ai ele viu-me agora ele ja me ama?! nao claro que nao...ele vai odia-la ao ponto de a humilhiar e de ser um menino mimado e estupido...mas sera que ela consegue tirar essa farça e mostrar o menino querido que ele é?

1º capitulo

Eu e a minha família estamos a mudar-nos para Atlanta e neste preciso momento estamos no avião, e acho que só falta mais uma hora. Eu chamo-me Mariana e tenho 16 anos. Bem eu sou bonitinha. Sou morena, o meu cabelo é castanho claro, não sou magra nem gorda e os meus olhos são castanhos. O meu peito é grande, mas não exageradamente. Gosto de musica pop. Uma coisa a meu respeito: sempre fui a loser na minha escola e nesta eu não vou fazer nada para não o ser.

A minha mãe, Sofia, é gira. É magra, uma cara linda de morrer e tem 34 anos. É sexy e veste-se super bem, pudera, ela já tinha sido modelo. O peito dela é grande, mas ela diz que eu vou ter sempre um peito maior do que o dela. Ela quando passa pela rua consegue roubar os olhares de qualquer homem de qualquer idade.

O Carlos, meu pai, é alto, 1,95m, é magro, tem músculos, abdominais perfeitos que parecem uma tablete de chocolate é loiro mas é moreno no tom de pele. Os olhos dele são verdes, uma cara lindíssima e tem 35 anos. Os dois podiam ganhar o troféu de o casal mais lindo do ano.

Os meus pais não me quiseram dizer o porque de nos mudarmos, mas nem reclamei. Não havia nada que me prendesse naquela cidade. Ponto numero 1- não tinha amigos; ponto numero 2- era a falhada. A viagem já tinha acabado e já estávamos a chegar a casa.

-bem isto é enorme. – disse.

A casa era mesmo grande. Tinha 2 andares. Era branca e as varandas eram de vidro.

-queres entrar? – perguntou o meu pai.

-claro.

Entrei e era realmente grande. A cozinha era grande e bonita. E também muito moderna. A sala…o que é que eu posso dizer sobre ela? Ah tem uma televisão gigante mas de resto é uma sala normal. A casa de banho era pequena. Estava a subir as escadas e vi o quarto dos meus pais. Bem é lindíssimo. Grande, moderno mas com um toque antigo. A cama era grande. dois roupeiros gigantes e uma casa de banho particular, também grande. E abri a porta do meu quarto. era lindo. Tinha uma parede verde alface e as outras eram brancas. O tecto era preto. A minha cama era grande, de casal. E eu também tinha uma casa de banho particular e uma secretaria e tudo decorado. O meu quarto era também gigante. Arrumei as minhas roupas, fui jantar e agora vou dormir.

Acordei. Hoje ia ser o meu primeiro dia de aulas. Não estava nervosa ou ansiosa. Para mim era apenas mais um mero dia de aulas. Tomei banho, lavei os dentes e já estava. Agora vocês perguntam-se, então e a maquilhagem? Eu não uso. Só quando vou a festas ou saio á noite. Vesti-me. http://www.polyvore.com/cgi/set?id=21742053

e o meu pai levou-me á escola.



__________________________________________________________________________

acham que está muito grande? secante? digam por favor o que acham...


Última edição por marianam em Seg Jul 18 2011, 23:05, editado 4 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Marta :)
Baby
avatar

Mensagens : 1298
Data de inscrição : 01/09/2010
Idade : 21
Localização : BieberLand :D

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qua Set 29 2010, 23:04

eu gostei :b
Voltar ao Topo Ir em baixo
_Raquel_
Baby
avatar

Mensagens : 1804
Data de inscrição : 26/07/2010
Idade : 19
Localização : In my world...

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: 19 de Outubro de 2009

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qua Set 29 2010, 23:10

esta fixe! quero mais...
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qui Set 30 2010, 21:33

oh...obrigada! mas acham que este é o tamanho ideal? e que eu ja postei capitulos desta fic num site proprio para isso e la se tiveres menos do que aquele tamnho nao da para postar...o que eu quero dizer e que se calhar vai haver capitulos grandes..
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qui Set 30 2010, 21:37

2º capitulo

Cheguei á escola e todos me olhavam com má cara. E ainda só estava a sair do carro. Abaixei a cabeça e tirei lá de dentro os meus headphones para ligar ao telemóvel.

Coloquei nos ouvidos e comecei a meter justin bieber e levantei ao capuz da camisola, assim ninguém me via. Tirei da mala o horário da escola e vi que a aula a seguir era inglês e na sala 23. Tirei os meus headphones. Tocou a campainha. E agora? Onde é que é a sala? Passei alguns corredores até que alguém gritou para um aluno numa sala:

(tudo o que está a negrito é em inglês)

-vai já para a sala 23 ter com a tua directora de turma.

Saiu da sala um garoto. Boa, eu seguia-o e assim chegava á sala. Por falar nisso, já estou 15 minutos atrasada. O garoto entrou na sala e eu ouvia gente a rir. Estava nervosa, confesso. Abri a porta e todos me encaram. A professora chega até mim enquanto que o outro miúdo sai da sala.

-olá rapariga, pela tua cara estás muito assustada queres um chazinho para aliviares os ânimos?

Não percebi nada do que ela disse. Ela falava muito rápido. A única coisa que percebi foi: hello gir, olá rapariga. Não sei o que é que ela disse mas sei que fez com que todos gozassem da minha cara. Boa. Ainda sou nova e já sou gozada. Sentei-me na ultima fila da sala. E eu era sozinha. A professora continuou a dar matéria e eu á toa sem perceber nada do que ela dizia. Tocou a campainha. Reparei que todas as minhas aulas eram nas salas na casa dos 20 e todas as salas da casa dos 20 eram neste corredor. Isso é óptimo. Não tirei vez nenhuma o capuz da minha cabeça. e na aula aquela professora não parecia importar-se. Meti novamente os headphones e estava na musica somebody to love de justin bieber. Enquanto que andava pelo corredor, choco contra alguém. Vejo que é o justin bieber.

-tu…tu…és…

Fiquei meia gaga e fiquei a apontar o meu dedo para ele.

-sim eu sei. E tu és…?

-a idiota amor!

Eu não consegui responder porque uma rapariga loira falsa, alta e com ar de estúpida falou por mim enquanto o beijava.

-sim sou a idiota.

Falei ironicamente. Ok eu não falo muito bem inglês mas também não é preciso de ficar com aquela cara de que não perceberam nada. Tocou o sinal e eu fui para a sala. A disciplina era : o mundo lá fora. Bem eu nunca tive nenhuma dessas disciplinas em Portugal. E fiquei outra vez na mesa do fundo. Fui a primeira a entrar. As pessoas que entravam eram todos populares, e eu sei que ainda não conheço muito da escola mas vê-se logo que eram jogadores de rugby e lideres de torcida, ah e também estava lá o justin bieber. O professor que entrou na sala era um rapaz novo, da idade do meu irmão. Sim eu tenho um irmão, só que ele já é grandinho. Ele tem 24 anos e decidiu ficar lá em Portugal com a sua namorada. O professor era bonitinho só que não era tão giro como o meu irmão.

-olá pessoal. Bem hoje vamos falar de uma rapariga que é alemã mas que a sua fama nasceu em Portugal.

Com este professor entendi tudo. Ele falava mais devagar. Uma rapariga alemã? Não estou a ver…

O professor começou a passar um power point e a pessoa que íamos falar era a namorada do meu irmão. Ela era modelo e é muito bonita.

O professor começou a falar até que chegou aos relacionamentos.

-ela namora com um rapaz que se chama Nuno. E agora cada um diz algum comentário sobre qualquer coisa, mas tem que ter a haver de acordo com o que estamos a dar.

-ela é muito gira e esse rapaz tem sorte.

Os comentários foram todos mais ao menos como este até que chegou a uma rapariga.

-eu adorava ver uma foto dele.

Eu involuntariamente tiro um caderno rosa com penas A5. Era nesse caderno que eu metia as minhas recordações, fotos. Era o meu diário, mas não era um diário daqueles que desabafas sobre o teu dia mas sim era o teu tesouro, complicado de perceber? Tirei de lá uma foto minha com o meu irmão. Ele era o meu melhor amigo, mas eu magoei-o quando ele me tentava proteger. E já estávamos chateados quase á três meses.

Flashback on

Fui para o meu quarto chorar. E o meu irmão entra no meu quarto.

-mariana eu vou lá ter com os rapazes e eles vão te pedir desculpa a bem ou a mal.

Eu era gozada e humilhada na escola (escola antiga, isto foi na altura em que ela ainda vivia em portugal). Mas desta vez o meu irmão vira as raparigas a gozarem comigo e os rapazes a molharem me com sumo e a despegarem-me comida para cima. Eu era uma pobre rapariga no meio de tantos bruta montes. Mas isso quase que já fazia rotina do meu dia.

Mas se ele fosse lá dizer, ele só piorava mais a minha situação. Iam pensar que era o meu irmão que me tinha que defender. E depois em vez de me encherem de comida podiam me encher de murros. E o meu irmão não vive aqui nesta terra propriamente. E eu tinha que o magoar. Só se eu fizesse isso ele não iria lá.

-tu és como um cão que eu não me consigo desfazer. – doeu-me dizer aquilo. Mas tinha que ser.

Ele olhou para mim, magoado, mais magoado do que eu pretendia.

-parabéns. Conseguiste de te desfazer deste cão aqui. – disse ele furioso e triste.

Ele deu um murro na parede e foi-se embora. E depois nunca mais o vi.

Flashback off

a foto que eu tinha, era uma que eu tinha uns óculos pretos daqueles de ver á morrona com a língua de fora e ele a rir-se para a câmara com a sua cara colada a mim. Lembrei-me desses momentos de loucura e pura diversão. Uma lágrima escorregou pela minha cara e eu consegui logo tirá-la e consegui não derramar mais nenhuma.

-e tu menina nova? Diz um comentário.



__________________________________________

vou postar agora o 3º porque o 2º e o 3º capitulo eram um so eu e que decidi dividir...


Última edição por cardeira em Qua Dez 08 2010, 01:41, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qui Set 30 2010, 21:38

3º capitulo


-prefiro que o professor diga primeiro o seu.

-muito bem. Eu acho que eles não se amam, e que ele apenas tenta ter a fama dela. e ela também não o ama. Ela é muito linda mas pelo que ouvi ele não tem nenhuma beleza doutro mundo.

Mas quem é que ele era para se atrever a falar assim do meu irmãozinho?

-eu acho que o Nuno é uma pessoa maravilhosa, linda, confiante e generosa. Quer o bem de todos mas ele é rancoroso e isso é uma pena para mim. Eu amo-o. Ele e a thora merecem-se, e bastante. E se me permite discordar, eu acho que o meu…o Nuno nunca amou ninguém como a ama e ela? Ela pode ter os seus defeitos mas ela ama-o e faria qualquer coisa por ele.

toda a gente olhava para mim.

-e como é que podes ter assim tanta a certeza? Porque é que o estás a defender? E porque é que é uma pena para ti ele ser tão rancoroso?

A imagem de ele saindo de casa e a minha mãe a dizer-me as palavras que ele disse…isto dói. Eu sem controlar as lágrimas começaram a derramar pela minha cara. Peguei nas minhas coisas e sai da sala com todos a olhar para mim. E mal eu tinha saído, o sinal toca. Eu vou para ao pé do meu cacifo. Meto as minhas coisas lá dentro, agora era a hora do almoço. Viro-me e parece-me que é o Nuno que está ali. Eu esfrego os olhos para ver se era mesmo verdade. E é. Corri até ele e saltei-lhe para cima.

-oh meu deus és mesmo tu. – disse enquanto as lágrimas corriam pela minha face. Sai de cima dele e o abracei. E apareceram seguranças e no meio havia um rapaz preto e o justin foi ter com ele. era o usher.

-desculpa mas eu e a thora vamo-nos embora já hoje. E esse preto meteu-se com a thora, deu-lhe cantadas e sabes como eu sou ciumento. Portanto se eu não me for embora agora mesmo vai haver merda. E ele tem seguranças… - ele deu um sorrisinho nervoso. Sorri para ele e o abracei. E ele foi-se. Fui na direcção do usher, olhei para ele de cima abaixo e agora ele e JB olhavam para mim surpresos.

-ela é areia de mais para ti. – disse-lhe e fui em direcção ao refeitório.

Entrei e fui em direcção ao balcão e as senhoras deram-me um tabuleiro já com comida. Fui para uma mesa no meio do refeitório mas que ninguém estava lá sentado. Sentei-me e logo a seguir sentaram-se lá o justin bieber, usher e os rapazes do rugby. Usher estava a minha frente, do outro lado da mesa, e o JB estava ao lado dele e um rapaz do rugby estava ao meu lado. Ninguém olhava para mim e todos me ignoravam comendo uma sandes muita esquisita e que eu estava á que tempos a tentar perceber o que era.

-o que é isto? – falei mais para mim própria e como ninguém sabia a minha língua ninguém percebeu.

A conversa de todos naquela mesa acabou e me olharam surpreendidos.

-o que? – perguntou justin.

-isto o que é que é isto? – e apontei para a sandes.

-ah…é uma sandes de feijão?! – disse usher.

-uh...que nojo. – todos me olharam embasbacados.

- aqui normalmente é o que se gosta. Mas se não gostares a única coisa que tens mais para comer é fruta. – falou um rapaz do rugby. Levantei-me e fui buscar fruta mas a única que havia era morangos. Trouxe e voltei a sentar-me. Comecei a trincar devagar para saborear. Era bom. Todos me olhavam com espanto.

Usher ajeitou-se na cadeira e encarou-me.

-o que é que quiseste dizer á um bocado?

-o que?

-“ela é areia de mais para a tua camioneta ”. tu deves pensar que isso não me magoa. Posso ser famoso mas tenho sentimentos. – ele levantou-se para ir buscar fruta.

Justin ajeitou-se no banco para ficar á minha frente.

-não deixo que magoem os meus amigos. Eu protejo os meus e se tu voltas a mal tratar o usher eu não tenho medo de te mal tratar. Por isso pensa bem.

-nem eu justin. Nem eu.

O usher voltou a sentar-se no seu lugar. Eu olho para o justin e depois olho para o usher.

-ouve, usher.

-eu não quero falar nada contigo.

-podes não querer falar mas eu falo. Eu protejo os meus e a thora é a namorada do meu irmão. Ele é a única coisa que me faz bem. Os meus pais estão sempre fora e nunca me dão atenção e quando os outros rapazes do rugby me batiam ou humilhavam-me á frente de todos…o meu irmão defendia-me. E ele lutou muito para ter aquela rapariga. Quando ela lhe deu uma tampa, ele afastou-se de todos e eu não quero que isso volte a acontecer. Porque quando o magoei fiquei muito tempo sem o ver. Vi-o hoje ma tu meteste-lhe ciúmes, que como é que ele em semanas conseguiu captar a atenção dela e tu num simples momento captaste. Eu não quero o meu irmão de rastos. E justin para a próxima não me ameaces.

Todos me olhavam tristes e com pena de mim.

-desculpa mariana, também mas tens que compreender.

-eu compreendo.

O meu telefone tocava. Vi quem era e era os gajos do rugby. Mandei o telefone para cima da mesa e suspirei.

-quem é? – perguntou usher.

-são os gajos do rugby que me humilhavam. Eu desligo. – e desliguei.

Estou a gostar muito de estar aqui. A serio. Entrou a namorada do justin e as outras.

-olá amor. – disse a puta maior, a namorada, para o justin.

-olá. – e deu-lhe um selinho.

-bem eu já estou aqui a mais. – disse.

-sempre tiveste falhada. – disse a namorada do justin.

Sai da mesa.

Hoje o dia acabou. Estou com vontade de sair á noite, e vi um panfleto de um bar aqui perto.


________________________________________

desculpem o tamanho so que este deve ser um dos capitulos maiores da fic...
Voltar ao Topo Ir em baixo
CatarinaC
Bigger
avatar

Mensagens : 152
Data de inscrição : 04/08/2010
Idade : 23
Localização : Loulé

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?:

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qui Set 30 2010, 22:25

Continua Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Marta :)
Baby
avatar

Mensagens : 1298
Data de inscrição : 01/09/2010
Idade : 21
Localização : BieberLand :D

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qui Set 30 2010, 23:10

que giroo :b
Voltar ao Topo Ir em baixo
_Raquel_
Baby
avatar

Mensagens : 1804
Data de inscrição : 26/07/2010
Idade : 19
Localização : In my world...

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: 19 de Outubro de 2009

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qui Set 30 2010, 23:56

Continua sim?
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Dom Out 03 2010, 16:03

continuuo sim! ^^ ainda bem que gostam! ^^
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Dom Out 03 2010, 16:04

4º capitulo

fui a pé para casa. Esta terra parecia ser segura. Portugal, ás vezes andávamos com receio. Porque há sempre muita escumalha. Andei e vi o justin com alguém. Andei mais um bocadinho e vi que estava com a sua namorada, a ashley. Mas porque é que me custa tanto velos? Ele não é nada para mim. Só se…não não, não pode ser. eu não posso amá-lo de maneira alguma.

Mas não és tu que decides, é o teu coração. Falou-me uma vozinha dentro da minha cabeça.

Mas porquê? Porquê ele? podia ser um do rugby ao menos não apanhava …ok era a mesma coisa nenhum dos dois namoraria comigo. Isso era um facto. Mas ao menos um do rugby não era um rapaz com muitas fãs. E não era a sensação do momento. Ah…sempre me apaixono pelos rapazes impossíveis. Mas que mal é que eu fiz a deus? Não respondas.

Caminho mas desvio a cabeça. ainda estava um bocadinho longe por isso era capaz de eles ainda não me terem visto. Peguei nos meus headphones e meti musica. Calhou numa musica das the pussycat dolls, buttons. Eu adoro essa musica. Ando e começo a mexer os lábios como se estivesse a cantar, mas sem emitir nenhum som.

Ando, ando, ando e ando. Porra. Parece que ainda não andei nada. Passei por eles. Eles nem ligaram. E quando eles já não se viam, avistei a minha casa. Entrei, cumprimentei os meus pais e fui para o meu quarto. adormeci com os headphones nos ouvidos a ouvir avril lavigne.

Acordei com a minha mãe a gritar lá de baixo.

-mariana, o jantar já está na mesa.

Desci meio adormecida. Comi febras fritas com arroz com alho. Foi muito bom. Subo para cima para me ir vestir.

http://www.polyvore.com/untitled/set?id=21814523

Penteei o meu cabelo num penteado muito fixe.

E sai de casa. Chamei um táxi para ir para o tal café.

-boa noite.

-boa noite. É para onde menina?

-ah…para dizer verdade eu não sei realmente. Sei que é neste café. – e mostrei-lhe o panfleto.

-esta juventude de agora…bem, eu sei onde é. Também tive que levar a minha filha lá. Vai cantar lá um rapazinho muito conhecido e ela disse que o tinha que ver. Você deve ir pela mesma razão… - ia para discordar mas já tínhamos chegado ao local.

-quanto é? – perguntei.

-0. A minha filha chama-se charlotte e ela não costuma muito sair á noite, por favor tome conta dela, sim? Tipo não precisa de andar atrás dela, mas se vir que ela está a fazer qualquer coisa que se venha a arrepender a repreenda. É que ela é a minha única filha e eu quero protege-la.

-claro. Não se preocupe. – tão querido um pai a preocupar-se assim com a filha. *.*

Sai do carro e entrei dentro do bar. Aquilo tinha algumas pessoas, estava cheio mas conseguia-se andar, ainda. Dirigi-me ao balcão.

-uma coca-cola por favor.

-uma coca-cola? – pergunta o barman a rir-se.

Fiz-lhe uma cara de: ” e o que tem a haver com isso?”. Mas quem é que esta gente pensa que é? Eu sempre gostei de beber mas isso era só quando estava com o meu irmão ou com mais amigos, não quando estou sozinha e afinal de contas uma pessoa só se diverte a embebedar-se? Que eu saiba não.

Continuei ali ao pé do balcão.

-que eu saiba só os putos de 16 anos é que ainda bebem coca-cola nos bares. As meninas de 18 anos não bebem coca-cola. – segredou o barman ao meu ouvido. Assustei-me é certo. 18 anos? Eu aparentava ter 18 anos? Fixe.

-e quem é que disse que eu tenho 16 anos? – disse enquanto saia do balcão com um sorriso matreiro. Fui para a pista de dança. Comecei a dançar, mas devagarinho então não me queria cansar XD. Entrou um rapaz no palco todo animado.

-olá, pessoal. Bem antes de começarmos a ouvir o nosso cantor favorito, vamos fazer aquele joginho. Do que não se pode fazer neste bar com essa idades. – espera lá. Mas o apresentador era o barman. Pronto estou fodida.

-o jogo é, escolhemos 3 raparigas para vir ao palco, atenção de que meninas vocês vão ser escolhidas pelo holofote. Se vocês forem escolhidas é porque fizeram alguma coisa de errado neste bar e vão ter que mostrar aqui no palco do que são capazes. E que o jogo comece.

-e a primeira rapariga é… - e o holofote apontou para uma rapariga que se sentava a falar com um rapaz muito feio. Ela subiu ao palco muito envergonhada. E deu uma voltinha a pedido do apresentador. – o que é que uma rapariga linda faz com um rapaz feio? Isso é…

E a plateia gritou toda junta : “errado.”

-e agora vamos te apresentar o kenny, um guarda costas do nosso cantor de hoje.

O tal guarda-costas entrou sem camisa, apenas a mostrar os seus abdominais e os seus músculos. A rapariga era muito linda. Loira, olhos azuis um belo corpo, só não tinha é mamas. Mas era bonita. O kenny levou-a para dentro.

-e o segundo erro da noite é cometido por… - e o holofote meteu em cima de uma rapariga, girinha de cara mas que estava muito mal vestida.

Eu já estava farta de me rir.

-e o que é que temos por aqui? Hum…roupa. Bem meninas? – E apareceram umas raparigas com um vestido grande castanho. Na minha opinião era feio. – Veste.

O apresentador deu-lhe o vestido enquanto que ela desaparecia pelas cortinas pretas.

-e o ultimo erro da noite e o pior… - eu não via para quem é que o holofote apontava. Alguém meteu as suas mãos nos meus ombros e encostou a sua boca no meu ouvido.

-ola sou o kenny e bem tu és o ultimo erro da noite. Não devias beber apenas coca-cola, isso é para as pessoas de 16 anos e não para uma rapariga tão linda de 20. – sussurou-me ao ouvido. E começou a empurrar-me até ao palco. Ele ficou ao meu lado e o apresentador do outro. Ok isto é estranho. A mão do segurança está na minha cintura, mas quem é que lhe deu liberdade para isso? Hello eu estou aqui.

- e então pessoal, esta bela rapariga estava a beber coca-cola e só os putos de 16 anos é que bebem coca-cola e não uma rapariga de 18 anos…ou 20. e o microfone vai passar pela plateia.

O microfone passava por muita gente. Até que parou num rapaz giro.

-queres curtir comigo?

-um pretendente… - disse o kenny.

O resto dos comentários foram quase todos a mesma coisa.

-acabou a passagem do microfone e agora a rapariga vai ter que beber 2 shots. – disse o apresentador.

Se eu beber dois shots embebedo-me. Pego-lhe no microfone e ele olha para mim confuso.

-não não vou porque eu não tenho 18 anos ou 20 eu tenho 16 anos.

E todos me olharam espantados.

-prova. – disse o apresentador.

Tirei da minha mala o meu bilhete de identidade e entreguei-lho.

-é verdade pessoal, ela tem 16 anos.

Sai do palco contente, ah claro que antes tirei-lhe o bilhete de identidade. Kenny veio atrás de mim.

-olá.

-olá. – digo.

-tu gostavas de conhecer um rapaz muito fixe? Eu tenho a certeza que ele vai gostar de falar contigo e como eu tenho que andar sempre a protegê-lo se ele ficasse teu amigo também podias passar minha amiga.

-wow és directo tu. Mas claro que aceito.

O show começou e vocês não vão acreditar quando eu disser…não o kenny não me beijou, mas olhem que eu não me importava nada. ^^ quem estava a cantar era o justin bieber. Comecei a dançar mas era apenas a mexer as pernas e a abanar a cabeça quando que sinto umas mãos no meu rabo, e não eram as minhas. Olho para trás era um rapaz forte, que se foda posso apanhar mas um murro pelo menos era meu. E assim fiz, dei-lhe um murro e acertei mesmo na cana do nariz, o que fez com que ele se torcesse de dor. Uns rapazes, deviam ser amigos dele, pegaram-me nos braços para que eu não conseguisse fugir e o outro em que eu dei o soco, deu-me um que acertou ao pé do meu olho. logo a seguir apareceu kenny com um outro segurança e kenny esmurrou o rapaz que me tinha agredido e o outro segurança apenas pegou nos outros dois e meteu-os fora do bar. Quando o outro já estava num estado muito mau kenny para de lhe bater pega nele e mete-o fora do bar.

O kenny pega em mim e sai comigo do bar levando-me para uma casa perto do bar. Entramos dentro da casa e subimos para o primeiro andar e ele leva-me para um quarto que parecia de um rapaz. Ele colocou-me com jeitinho na cama e saiu do quarto. passado uns 10 minutos ele volta.

-obrigado. – disse.

Abracei-o com todas as minhas forças e ele assustou-se mas também me abraçou.

-obrigada. – ele disse.

-porquê? – perguntei.

-por seres minha amiga. Por me fazeres sentir que o meu trabalho serve para alguma coisa.

-obrigado. – disse.

-porquê? - ele perguntou.

-por seres meu amigo. Aliás por seres o meu primeiro amigo. – disse.

Ele trazia gelo e começou a pôr-me ao pé do olho. estava-me sempre a queixar até que me calei quando percebi que alguém estava perto do quarto, mas kenny não parecia incomodar-se. Ouvia risos, e pessoas a falarem até que abriram a porta do quarto e a conversa e os risos terminaram.

-o kenny anda a esmerar-se. Ao menos ele vai foder com uma rapariga bonita. – tinha sido outro segurança a falar. Justin estava a olhar para os seguranças de costas para nos na porta, mas ele virou-se. O sorriso que estava nele desapareceu quando nos viu.

-é com ela que vais foder kenny? – perguntou justin.

Levantei-me e encarei o kenny.

-desculpa, mas obrigada por cuidares de mim.

-de nada. – ele parecia um pouco chateado.

Comecei a andar mas a perna estava-me a arder. E muito.

-tu estás a sangrar. – disse kenny sobressaltado.

-mas vês algum corte na perna? É que é na perna que me está a arder.

-é da perna direita que está a escorrer sangue mas eu não encontro o corte. Deves te ter aleijado quando caíste.

-caiste? – repetiu justin surpreso as palavras de justin.

-um gajo apalpou-me o rabo e eu dei-lhe um soco mas os amigos dele vieram por trás e me seguraram para que o outro me esmurrasse também e ele socou-me ao pé do olho esquerdo e kenny chegou lá e defendeu-me mas eu cai e aleijei-me mas não sabia que me tinha cortado. E não fodemos ou nós não vamos foder. – esta ultima parte eu gritei para todos eles.

-tens algum espelho? – perguntei para o justin.

Ele encaminhou-me para uma parte do quarto que tinha vários espelhos. Subi o meu vestido até encontrar o ferimento. Era mesmo rentinho ao meu rabo. Enquanto que eu subia o vestido eles olhavam muito atentamente para aquilo que eu estava a fazer. Viro-me para justin.

-fazes-me o curativo?


Última edição por cardeira em Qua Dez 08 2010, 01:45, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Dom Out 03 2010, 16:05

wow nunca imaginei que este fosse tao grande =$
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Ter Out 05 2010, 19:06

5º capitulo

Olhei esperançosa para justin. Eu tenho a certeza que ele vai aceitar. Ele tem que aceitar. Tem não tem? Ele olhou para mim mas os olhos eram decididos e frios. A minha perna continuava a sangrar eu sinto. E ardia muito, mesmo.

-não! – disse num tom frio.

O meu queixo caio com aquela resposta. NÃO? Mas porque? O que é que eu lhe fiz? Mariana aprende, tu ama-lo mas ele não te ama. Tens que aprender a lidar com isso. Uma lágrima queria sair mas eu estou a fazer um esforço enorme para que ela não caia. Olho para o kenny e ele estava com um olhar como se lamenta-se.

-kenny uma casa de banho. Preciso de água-oxigenada, pensos e beta dine.

Ele levou-me para uma casa de banho enorme e mostrou-me os curativos. Tentei pegar neles mas não consegui.

-queres uma ajuda? – perguntou kenny.

-sim dava jeito. – disse com um sorriso envergonhado.

Ele pegou em mim e levou-me até á cama do justin. A cama dele era de casal e muito confortável. Ele deitou-me de rabo para cima e começou a molhar a ferida com água-oxigenada.

-kenny temos que ir, a mãe do justin está agarrada de fãs e sabes como ela é sensível. - falou um rapaz que entrou pelo quarto a dentro.

-desculpa. – disse kenny. Eu mandei-lhe um sorriso encorajador.

Ele saiu. Em casa só estava eu e o justin, mas eu estava no seu quarto e ele estava noutra divisão qualquer. Eu estava triste. Porque é que ele fez aquilo? Qual era o mal de ele me ajudar com a ferida? Eu acho que nenhum.

Tentei lavar a ferida mas não conseguia.

- ai… - disse num tom alto.

-queres ajuda?

Olho para quem tinha falado e era justin. Ele encarava o chão.

-não é preciso. Eu já percebi que isso é um grande massacre para ti. – despejei aquelas palavras. Eu posso ama-lo mas ainda tenho a minha dignidade.

-então ok. – ele disse enquanto que saia do quarto.

-não, não eu preciso da tua ajuda.

Ele voltou. Mas estava meio nervoso. Ele veio até mim pegou no beta dine e colocou na minha ferida. Eu virei a cara para encará-lo ele era tão lindo quando estava concentrado, aliás ele era lindo de qualquer forma. E depois meteu um penso em mim.

-já está. – ele disse.

Fiquei desapontada. Queria ter ficado ali mais tempo a olhar para ele. olhei para ele enquanto ele se levantava.

-obrigada. – disse mas ele não respondeu nada.

Bolas como eu posso amar este rapaz? ele é bruto, insensível para mim mas eu como sou estúpida continuou a ama-lo. ai aquela boca era uma perdição. Aqueles lábios carnudos…aqueles dentes que nunca levaram aparelho mas eram perfeitos á sua maneira.

-eu hoje posso dormir cá? É que eu levei um soco e os meus pais notariam…e… - pedi para ele.

Ele olhou-me meio indeciso. Na verdade, eu estava com medo da resposta dele. Ele suspirou.

-sim… - ele disse meio indeciso.

-óptimo. Bem podes-me emprestar uma camisola tua, para servir de pijama?

-sim.

E ele foi ao seu armário e tirou de lá uma camisola. Vestia e ficava-me larga mas era confortável.

Ele saiu do quarto e eu fui com ele. chegamos á sala, presumo eu. E ele sentou-se no sofá. E eu também. Mas quando eu me sentei ele afastou-se de mim. Ficamos a ver televisão, era um programa cómico e sempre que ele ria eu olhava para ele mas ele parava logo quando percebia que tinha acabado de rir. Eu não me ria porque não prestava atenção nenhuma ao programa, prestava atenção mas era a ele. ele era tão lindo quando ria. Ele era sempre lindo mas aquele riso, o sorriso…ai queres um babador?

A programa acabou e ele desligou a televisão e então encarou-me.

-a única cama onde podes dormir é na minha.

Eu gosto dessa ideia. Gosto mesmo muito. Ele levantou-se e foi na direcção do seu quarto. deitei-me num canto e ele no outro. Mas durante a noite ele vira-se para mim a dormir com a boca aberta. É tão querido. Passo com o meu dedo nos seus lábios, para sentir a textura daqueles belos lábios carnudos. Encosto a minha boca no seu lábio inferior e puxo-o mas não com muita força para ele não acordar. Era tão bom sentir aqueles lábios. Dei-lhe um selinho. E adormeci com o meu corpo colado ao dele.

Acordei, já era de manhã. Olho para o relógio da mesinha cabeceira dele e mostrava que só eram 6 da manhã. Mas eu ainda precisava de ir me vestir. Olho para ele, justin, novamente e sorrio. Eu o amava com todas as minhas forças possíveis e imaginarias. Sai de cama devagarinho para não o acordar e segui para a cozinha. Ontem quando fui para a sala reparei que a cozinha era ao pé da sala. Desci as escadas e fui até á cozinha. Preparei pequeno almoço para todos os seguranças que eram 5 e para o justin e eu. Fiz ao todo 14 torradas e utilizei 7 pães. Porque eu considerava uma torrada metade de um pão. E fiz leite com café para todos. meti cada pequeno almoço num tabuleiro o que deu 6 porque eu comeria mesmo na cozinha. Levei um de cada vez. Para cada segurança, o que vale e que tinha lá o nome de cada um na porta. Deixei cada tabuleiro perto da cama. Só faltava o pequeno almoço do justin.

Subi as escadas e entrei no quarto dele. Ele ainda dormia muito ferradinho. Ele estava de barriga para cima e com a boca aberta. Ponho o pequeno almoço na sua mesinha de cabeceira e tento mas devagar tocar com os meus lábios nos dele. Devagar, devagar e…

-o que é que estás a fazer? – gritou ele.

Eu assustei-me tanto que ia caindo.

-desculpa…desculpa…

-tu és uma idiota e não tens o direito de me beijar. Tu és a idiota da escola. – aquelas palavras fizeram com que as lágrimas me viessem aos olhos e comecei a chorar. Sai do quarto a correr e levei apenas o meu telemóvel. Sai daquela casa e liguei para um táxi.
Voltar ao Topo Ir em baixo
_Raquel_
Baby
avatar

Mensagens : 1804
Data de inscrição : 26/07/2010
Idade : 19
Localização : In my world...

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: 19 de Outubro de 2009

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Ter Out 05 2010, 23:20

Por favor continua!!!!
Esta cada vez mais linda
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Sab Out 09 2010, 15:54

6º capitulo

O táxi chegou depressa. Entrei e a viagem também foi muito rápida. Cheguei a casa devagarinho para que os meus pais não me ouvissem. Tomei banho e as lágrimas começaram a sair. Fui vestir-me. http://www.polyvore.com/cgi/set?id=21880111

Se a minha bisavó estivesse aqui, tenho a certeza que ela me poria bem-disposta.

Cheguei para a escola sempre a olhar para baixo. Gostava mesmo de estar a fazer bodyboard agora. A adrenalina de apanhar uma onda acalmava-me. Entrei e estava mesmo o grupo do justin na entrada. Ele estava a namoriscar com a aslhey. Isso fez-me com que as lágrimas viessem aos meus olhos. Eu estava especada parada a olhar para eles. Eles já se tinham apercebido mas quando iam para dizer alguma coisa os seus olhos voaram para o portão da escola. Eu também olhei e vi um grupo de raparigas com alto estilo bem vestidas pareciam que iam para um espectáculo. Mas elas estavam com a cabeça para baixo e vinham na minha direcção. Olhei mais para elas para ver se conseguia ver os seus rostos. E elas pararam á minha frente. O que é que eu fiz desta vez? Ao ver estas raparigas dá-me saudades de o meu grupo de dança. Eu era a dançarina mais preciosa de lá, sabia cantar, era a melhor a dançar e por isso era a capitã do grupo quando íamos a competições normalmente ficávamos em segundo. Mas eu sai de lá. Foi porque eu vinha para aqui e porque uma delas desrespeitou-me e insultou-me e eu fiquei magoada. Elas levantaram o rosto e oh meu deus eram elas.

-por favor mariana volta. Nós amanhã temos uma competição muito importante, tu sabes disso. Por favor volta. Tens até ao fim das aulas para nos dares uma resposta. Pensa bem. – olhei para elas. As lágrimas queriam sair. E no grupo saiu a que me desrespeitou e ela estava a chorar. E sussurrou-me no ouvido “desculpa” e eu apenas afirmei cm a cabeça que sim.

Entrei na escola mas ainda faltavam 10 minutos. E para minha “sorte” estou a ironizar ok?! Entra o grupo do justin. As raparigas saíram de ao pé do justin e eles começaram a olhar para mim e depois comentavam qualquer coisa. Já está a ser irritante. E um deles parece que ganha coragem e vem na minha direcção. Eu hoje estou cheia de sorte, novamente a ironizar.

-olá. Tudo bem? – falou ele.

Ele parecia que estava a falar comigo como se eu fosse um bebe. Olhei para ele e ele sentou-se ao meu lado no banco.

-diz lá o que queres que eu hoje não tenho paciência para vos aturar. – disse eu com raiva.

-quem eram aquelas raparigas?

-eram de o meu grupo de dança…mas porque? – agora eu estava curiosa.

-elas são bem bonitinhas… - disse ele envergonhado.

Olhei para a frente, na direcção do justin. O que é que eu podia fazer? Eu o amava. Mas depois é que me apercebi que eles estavam a vir na minha direcção.

-bem bonitinhas? Elas são podre de boas…nem sei como é que andam com esta aqui. – disse um rapaz que estava ao lado do justin.

Mas para a minha infelicidade justin riu-se e assentiu que aquilo que o amigo disse era verdade. Isso praticamente fez com que eu chora-se mas eu sou mais forte do que eles pensão e não lhes vou dar a satisfação de chorar a frente deles.

Fui para a aula. Hoje só tinha uma. O sinal tocou e eu sai. Hoje eu iria almoçar a outro lado qualquer. Decidi ir ao mc donalds. Chego lá e compro um big Mac e uma coca-cola ah e as batatas fritas. Ia-me para sentar mas vejo que está ali o kenny com outros seguranças. Sigo na direcção deles e paro mesmo á frente da mesa.

-olá posso me sentar aqui com vocês?

-ah…claro! – disse o kenny.

Sentei-me ao pé de o kenny mas á minha frente não havia ninguém. os seguranças de certeza estão na sua hora de almoço por isso deve ser sem justin bieber. Essa ideia por um lado até me agradou, porque assim já não teria que aturar as suas parvoíces contra mim mas por outro lado não porque assim não iria ver o meu bebe. Começo a comer o meu hambúrguer. Até que alguém se senta á minha frente. Se vocês estão a pensar que é o justin bieber então…parabéns. Acertaram! Ele sentou-se mesmo á minha frente. Ok era o único lugar que restava. Mas mesmo assim.

Olho para ele. Ele parecia que me queria dizer qualquer coisa mas que não tinha coragem. Ele enche os pulmões com ar e encara-me.

-o que é que aquelas raparigas queriam contigo? – ah esse assunto…bem me parecia que não era nada comigo. Era bom de mais.

-porquê?

-elas são giras e tu…bem tu és…

-diz. Não há problema. Sim eu sei. Elas têm aquela cara. Aquelas mamas. Mas se tu um dia…olha sabes que mais esquece. – ele ficou boquiaberto.

-kenny tu deixas ela falar assim comigo. É o teu trabalho protegeres-me. – disse justin para kenny.

Como é que ele podia? Ele sabia muito bem que eu e o kenny somos amigos. Olho para ele com um olhar que se pudesse matar ele já estaria morto.

-sabes kenny…não precisas de te dar ao trabalho. Eu não te quero arranjar problemas. Mas fazes-me um favor? Podes ir ver-me hoje com aquelas raparigas? Está aqui isto…- e dei-lhe o papel da competição. – se seguires as indicações do papel chegarás lá num instante.

Abracei-o e fui-me embora. Peguei no meu telemóvel e liguei para as minhas amigas.

-alô alô tudo bem? Olhem eu aceito. Ainda dá né?

-ey rapariga tem lá calma. Estás a gozar? É claro que podes…

-tchau.

-tchau gaja boa.

Ri com aquele comentário. Pelos vistos só as minhas amigas é que me achavam gira. Ai meu deus. Eu sou tão idiota.

Já estava na hora de ir para o ensaio. Cheguei lá com o equipamento. http://www.polyvore.com/ensaio_de_dan%C3%A7a/set?id=22144881

Elas já estavam a fazer o aquecimento.

Entrei lá e meti musica.

-vá ensinem-me lá as danças.

O ensaio foi cansativo. Melhorei algumas coisas nas danças e aprendi tudo muito rápido.

Tomei um belo banho e deitei-me. Mas antes ainda fui para o computador. Entrei lá e fui para o meu twitter que não tinha ninguém nem a seguir nem que me seguem. Mas pronto. cheguei lá e desliguei logo. E agora sim, fui para a cama.

Levantei-me no outro dia. E vesti-me. http://www.polyvore.com/untitled/set?id=22145767

Fui para a escola. estava um bocadinho dorida por causa do treino de ontem. Cheguei á escola e estava lá o kenny e uma multidão de garotas á volta de alguém. Ponho-me em bicos dos pés e vejo que é o justin. Vou na direcção do kenny mas só consegui chegar até ele se for pela fila. Tento romper a fila mas as gajas davam-me encontrões para que eu não rompe-se.

-mas eu só preciso de ir ter com o segurança não é com o cromo do justin. – falo para uma rapariga que me fuzilava com os olhos. Ela agora olhava para mim como se eu tivesse feito um crime.

-o que é? – pergunto.

-o cromo do justin?

-ah…sim?! Sim.

A rapariga olha para mim e depois abana a cabeça. e elas dão me uma espécie de roda á minha frente.

- olhem não estou com paciência para estas merdas e que tal deixarem-me ir ter com o kenny?

Elas finalmente deixaram-me passar. Consegui chegar até ao kenny, finalmente.

-ai…kenny?!

-respira rapariga. Respira.

-eu…o horário foi mudado. O espectáculo vai ser ás 7 da noite mas podes estar comigo ás 6 e 30 por favor?

-claro que sim. Por ti tudo…mas eu a essa hora estou…ah esquece eu vou lá estar não te preocupes. - e piscou-me o olho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Sab Out 09 2010, 15:55

desculpem pelo tamanho deste capitulo!

7º capitulo

Sai dali com olhares sentidos para mim. Não me aborreci nem um bocadinho. Pela primeira vez sentia-me alguém e devo dizer que é uma sensação óptima. Tocou para entrar. Era espanhol.

Espanhol era uma disciplina que poderíamos optar por essa ou outras que ra ou francês ou alemão. Acham que eu ia me dar bem com alemão? É claro que não. e adoro espanhol porque até é uma língua bastante parecida com o português. E eu era a melhor na turma.

A aula passou num instante. Espanhol passa sempre num instante. Uma coisa estava a roer-me. O kenny ia para dizer alguma coisa mas depois disse para eu esquecer. Eu sei que ele vai conseguir lá estar. Não é isso que me preocupa mas só não quero que ele se meta em problemas por minha causa.

Fui ao gabinete do director da escola.

-olá senhor director bem posso fazer-lhe uma pergunta?

-claro.

-como eu sei que o senhor director ás vezes deixa os alunos irem para o ginásio á tarde nos dias em que não há aulas á tarde…eu poço ir para lá para treinar? É que eu tenho um espectáculo hoje e eu preciso de treinar…e então?

-claro que sim.

E eu fui-me embora. Fui para casa almocei uma sandes de atum e um sumo e fui logo para o ginásio da escola. eu levava a minha aparelhagem com as musicas já predefinidas para o espectáculo. Nem me equipei em casa levei apenas o equipamento para a escola. cheguei ao ginásio e estavam lá rapazes do rugby. pelo menos não estava lá o justin. Vou ao balneário e visto o meu equipamento. http://www.polyvore.com/untitled/set?id=22146535

Saio do balneário feminino e vou para a parte do ginásio sem ninguém. meto a aparelhagem no chão e começo a dançar conforme a musica. A

Os rapazes começavam a assobiar e de repente chegou mais pessoas e começaram a ver o que eu fazia. E uma dessas pessoas era o justin. Eu ainda não tinha dançado grande coisa, ainda estava a meio da primeira musica. Olho para todos eles. As raparigas começaram a gozar e a dizer que eu não dançava nada de jeito e blablabla.

Peguei nas minhas coisas e sai dali indo em direcção a casa.

Cheguei lá e adormeci na cama. Acordei era umas 5 horas. Bolas era para lá estar ás 5 e 15. Tomo um banho e vou com a mesma roupa do equipamento. Como não dancei muito, não suei. Corro até ao autocarro. Entro e sento-me ao pé de um rapaz muito giro por sinal. Ele não olhava muito para mim. Dahhh é claro tu és feia porque é que ele iria olhar para mim?

Não sei porque mas ele estava nervoso. Nos rapazes, é habitual eles mexerem no cabelo quando estão nervosos e ele não parava.

-estás nervoso? – ganhei coragem e disse.

-notasse assim tanto?

-sim. Mas porque?

-é que tu és tão bonita que me estás a deixar louco…desculpa. – eu estava meio assim: 0.o

-desculpa porque?

-por ser tão original. Tu já deves estar farta de ouvir estes elogios…e também deves ter namorado.

-ahahahaha receber estes elogios? Foi a primeira vez que me disseram que era bonita. Na escola sou a idiota. E não não tenho namorado.

Ele parecia meio nervoso. Mas eu não percebi porque. Ok, eu ainda sou meio lerda com os rapazes.

Ele começou numa espécie de tremer a perna sabes?!

-alguma vez algum rapaz te fez isto?

Ele olhou para mim com aqueles olhos tão…GRANDES E lindos mas devo admitir que os do justin são BEM mais bonitos. Ai mas que porcaria de momento para se estar a pensar no justin enquanto que um rapaz nos esta a seduzir.

Ele colocou a mão no meu rosto e começou a fazer movimentos circulares com o polegar na minha bochecha. Ele começou a aproximar-se de mim e tocou com os seus lábios carnudos nos meus…que sensação boa. O meu primeiro beijo! Não podia ser melhor…não tinha beijado ninguém este foi o primeiro mas ele beija muito muito muito bem. Ele tirou os lábios dos meus e colou a sua testa na minha. Ele abraçou-me e depois ele envolveu a minha cintura com o seu braço.

A viagem passou rápida. Sai do autocarro e ele vaio atrás de mim.

-porque é que vens? Estás a seguir-me? – perguntei-lhe.

-huhuhu queria te acompanhar e para além disso eu vou ver o espectáculo. A minha irmã veio cá dançar…ela está num grupo de dança. É o grupo que está contra as angels dance. E se ela detesta as angels dance então eu também detesto. E ela disse que a capitã desse grupo é alta estúpida e muito feia.

As angels dance é o nome do meu grupo. ele estame a chamar feia e estúpida? Ai mas que estúpido. Só que ele não sabe quem é essa rapariga. Mas é só por isso que eu não fico chateada com ele.

Ele pegou-me pela cintura e foi para um grupo de gente. Ou melhor um grupo de rapazes.

-oi pessoal! – disse ele.

Todos o cumprimentaram. Virei-me de costas.

-quem é essa rapariga muito bonitinha que tu tens ai ao teu lado? – perguntou alguém do grupo.

-ey ey ey não dês em cima dela, ok? Ela é minha ó popstar. Não é só por tu seres famoso que a vais conseguir. – falou o meu rapazinho.

Viro-me para ver quem é que disse que eu era muito gira e era o justin. Esse gajo persegue-me.

-tu? – perguntamos os dois ao mesmo tempo.

-vocês já se conheciam? - perguntou o meu rapaz.

-infelizmente… - disse o justin.

-e então a jenny está ai, John? – falou logo outro.

-sim está ela vai concorrer com o seu grupo de dança. – então o meu rapaz chamava-se John.

Jenny pelo menos uma que eu conheço é bue estúpida e sempre me chamou de estúpida e feia. Já estou a começar a achar que essa tal jenny é irmã do John. Uma rapariga aparece por trás do justin.

-ey rapariga estúpida feia tu vais perder. Ah e o Nuno está bom? Ele ainda continua a beijar bem? – ela falou em português.

Era jenny. Ela fala português porque já esteve em Portugal. Alias ela foi a rapariga que mais me maltratava na escola. e ele falou no meu irmão porque ela já tinha curtido com ele. ela era muito bonita. Loirinha meia morena mas isso era porque estava bronzeada e tinha os olhos azuis. De corpo não era grande coisa porque não tinha mamas apenas tinha cu e era alta e magra.

-ey jenny…para quem estás a falar? – perguntou John.

-essa rapariga que está ao teu lado. A rapariga estúpida e feia. Ahahaha eu sou mesmo boa.

-não fales isso dela. eu e ela estamos ficando…

-tu e essa porcinha nojenta?

-ey tu vai chamar porcinha para outra.

Largo-me do John e dou um encontrão na jenny. Ela começa a reclamar porque caiu ao chão.

-eu e tu podemos estar ficando mas isso não quer dizer que possas magoar a minha irmã. Ó porcinha nojenta.

Estas palavras atacaram-me como facas no coração.

-tu vais aprender. E agora afasta-te. – disse-lhe e ele fez o que eu mandei.

Cheguei ao pé da rapariga e dei um murro no chão a milímetros da sua cabeça só para a assustar. Ele fica com alta cara para mim e depois comecei a ouvir gritos vindos da porta. Olho para lá e vejo que era a minha equipa. Elas só faziam bagunça e saltavam nas costas de todas as pessoas que passavam á sua frente.

Sinto umas mãos fortes nos meus ombros. Viro-me para trás. Era justin.

-o que é que tu queres? – perguntei.

E ele beijou-me, mas foi um beijo rápido. Ele soltou-se de mim como se eu tivesse uma doença contagiosa.

-quero o meu dinheiro. Eu ganhei a aposta, eu beijei-a. – gritava ele para John.

As lágrimas começaram a descer sem piedade pelo meu rosto. Ele usou-me ele usou-me. Essas palavras faziam eco na minha cabeça. ando até ele. meti a minha mão no ombro e ele automaticamente virou-se.

-isto é para tu aprenderes a não me fazeres isto. – e dei-lhe uma estalada.

Corri até a uma porta que tinha uma placa que dizia concorrentes: angels dance.
Voltar ao Topo Ir em baixo
_Raquel_
Baby
avatar

Mensagens : 1804
Data de inscrição : 26/07/2010
Idade : 19
Localização : In my world...

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: 19 de Outubro de 2009

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Sab Out 09 2010, 19:51

Estou a adorar!!!!!!
Continua por favor
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Dom Out 10 2010, 22:23

ok!!!!=)
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Dom Out 10 2010, 22:24

8º capitulo

Eu sei que não podia chorar. Eu tenho que ser forte. Mas quem é que é a rapariga que chora por um rapazinho, hã? Ninguém…penso eu. Mariana o importante é Tu não chorares.

Mas pronto, quem é que ouve aquela vozinha tagarela na cabeça? eu cá não. e continuei a chorar.

Lembrei-me que eu não queria que o justin me visse a dançar. Saiu do balneário e vou até ele.

-eu não te quero aqui. – digo.

-desculpa? – pergunta ele já quase a rir-se.

-não sejas estúpido que eu sei que ouvis-te muito bem. Eu quero que te vás embora.

Ele olhou para mim com um sorriso de raiva, abanou a cabeça e foi-se.

Voltei para o balneário e todas as minhas amigas/companheiras ficaram a olhar para mim com umas caras como se eu tivesse feito o maior erro do mundo.

Ficámos a treinar a dança até que tivemos que parar para descansar. Fui ver o meu telemóvel as horas e já eram 6 e meia. Mas onde é que o kenny está?

Saiu do balneário. O palco estava lindo mas mesmo muito lindo. Todo decorado…e já haviam cerca de 400 pessoas sentadas. Bem mas o espectáculo é só daqui a 2 horas. Parece que hoje isto vai ficar cheio.

Vou para o portão. E vejo vários famosos a entrarem. Um deles…acho que era o zac efron com a Vanessa hudegens com um rapaz de 14 anos mais ao menos. Eles vinham na minha direcção.

-olá…

Meu deus o zac efron é muito mais bonito ao vivo. Hello alguém disse-te olá.

-vês tio eu nem consigo falar com ela… - falou o garoto.

-desculpem…a serio isto nunca me tinha acontecido… - disse envergonhada.

-oh…é na boa. É da maneira que sei que o meu namorado é giro. - falou Vanessa.

Não a posso culpar porque se eu tivesse o zac efron como namorado eu também me gabava. A resposta que eu lhe dei foi rir-me.

-então porque é que vocês vieram ter comigo…?

-directa tu. – falou o garoto.

Do outro lado da rua vejo o justin com a namorada e com o kenny atrás. Isso deu-me uma dor no coração. Mas fingi que não tinha visto ninguém.

-sempre sou. Olhem mas ainda não responderam.

-vamos ser directos…o meu sobrinho apostou que te conseguia engatar e eu disse que não. agora puto dá-me 10 doláres.

Dei um sorrisinho nervoso. E fiquei mais que vermelha. Mas não foi por isto. Foi porque Justin estava praticamente a engolir a ashley. E os papparazis a tirarem fotos. Do outro lado vejo uma rolote que vendia bifanas e vou lá. Eles seguem-me.

-olá! É uma bifana por favor… - falo para o rapaz.

O rapaz olha para mim. Uiuiui é mesmo giro. Ele dá-me a bifana e eu sento-me numa mesa um bocado grande. Eles também. Logo que todos nos sentámos aparece outra famosa. Ashley tisdale. A Vanessa ficou vermelha de raiva. Isso percebeu-se. E a ashley apenas dava olhares sedutores ao zac. Bem eu sentia-me importante. Muito mesmo.

Logo a seguir a ashley olha para mim.

-tu sabes quantas calorias é que isso tem? – perguntou-me com uma cara de nojo apontando para a minha bifana.

Eu não me contive e ri-me. Olhei para a Vanessa e agora ela estava muito vermelha mas era de tentar aguentar o riso.

-é assim…eu nunca me importei com isso. Se sou gorda sou se não não sou. Porque ashley tu precisas de fazer dieta e é por isso que sabes tanto as calorias dos alimentos? – quero lá saber que ela é famosa. Não estou nem ai.

Ela fica vermelha de raiva e a Vanessa não se conteve e começa a rir muito. Eu fico com um sorriso na cara quando a ashley sai da mesa.

-zac acho que finalmente encontro uma amiga fixe e que tenha a coisa que eu sempre quis que as minhas amigas tivessem…coragem. Miúda nem eu teria coragem de lhe ter dito aquilo. Foi demais.

-desculpem pessoal mas eu preciso de ir para lá. Tenho que ir para o palco. vão ver-me certo?

Eles disseram que sim e eu corri até ao meu balneário. Entrei e vesti um vestido http://www.polyvore.com/esp%C3%A9ct%C3%A1culo/set?id=22007019 que a estilista do concurso me deu para a apresentação e o começo do meu grupo.

Entrei no palco com o resto do meu grupo. todas elas usavam calças de ganga e uma camisola branca á cava. Eu era a que me destacava no grupo.

-olá pessoal…hoje teremos aqui dois grupos muito bons…aplausos para as sexy girls… - falou o apresentador. As sexy girls eram o outro grupo. - e para as angelsdance.

E todos nos aplaudiram.

-agora eu vou sair e vou deixar que elas se apresentem.

Ele saiu do palco e passou o microfone para a jenny.

-olá rapazes. Somos sexys né? Pois então é porque encaixa mesmo bem o nome do grupo. bem estas aqui ao nosso lado vão perder…por isso já sabem quem vai ganhar.

Tirei-lhe o telefone da mão á força.

-jenny porque é que mentes? Sabes que mentir é feio. Bem pessoal nós somos as angelsdance. O nome foi dado porque os anjos são fixes e quem é que não gostava de ter a graciosidade de um anjo e depois a dança…nós somos como anjos a dançar. Eu sou a mariana e sou a capitã e espero que se divirtam.
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Dom Out 10 2010, 22:25

9º capitulo

O apresentador entrou novamente e tirou-me o microfone da mão.

-bem pessoal quem vai começar primeiro são as sexy girls.

Eu e o meu grupo sai-mos do palco e fomo-nos sentar na plateia. Eu estava sentada numa zona onde tinham muitos meninos. Eles olhavam constantemente para mim.

-querem uma foto? – perguntei já irritada.

-por acaso… - disse um rapaz. por essa não esperava.

Eu olhei para o meu grupo que só se ria com a resposta deste. Ignorei todos eles e vi o show delas. Elas só se exibiam e era completamente fora do ritmo. Admito que a jenny para alem de se exibir dançava bem e ate estava no ritmo mas era a única. Olhei para os júris. Os homens estavam a babar-se. As mulheres não. elas até abanavam a cabeça. ri com essa acção.

-vamos chamar aqui as angelsdance. Boa sorte porque precisam mesmo para superar as sexy girls.

Fomos para o balneário para mudarmos de roupa. Percebi que a minha roupa é sempre diferente da delas. Eu gostei até disso.

O espectáculo era constituído por 3 partes.

1- Uma dança. Pode ter varias musicas misturadas…não interessa o importante é a dança;

2- Tínhamos que fazer igualzinho a dança e a lentra, pois porque tínhamos de cantar, uma musica de um videoclip que o júri escolhesse.

3- Tínhamos que cantar.

Nos íamos dançar uma musica da ashley tisdale, he said she said.

Entramos no palco.

p.s.: o palco é como uma espécie de sitio que já estava nesse videoclipe. P.s.2.:a dança e a paisagem é toda igualzinha ao videoclip. A única coisa que muda é que a ashley não é a ashley a dançar é mesmo a principal ok? Ah e a roupa dela é a que está no videoclip.

http://www.youtube.com/watch?v=CjkUH6VYGjk

toda a gente assobiava e aplaudia no final.

Saímos do palco todas contentes. A gente arrasou.

Fomos para a plateia e o zac e a Vanessa estavam sentados ao pé de mim. Olhei para eles.

-então o que acharam?

-mariana… - os dois olharam um para o outro e eu comecei a assustar-me. – mariana nós…

-ai falem logo o desastre.

Eles olharam um para o outro novamente e começaram a rir-se.

-tipo…nós adoramos. E já muita gente olhava para ti a babar-se…digo rapazes… - disse o zac.

-e tu foste um deles né?! – disse a Vanessa fingindo que estava zangada.

Dei um sorriso nervoso e fiquei muito corada. Tipo é o zac efron o gajo que eu largava tudo para namorar com ele. tipo o zac é aquele deus grego e o justin bieber é o deus grego júnior.

Eles os dois podiam fazer uma empresa a dizer deus gregos &co,lda.

Mas o zac a babar-se para mim. Ai meu deus eu estou a sonhar. Olho para frente e estava lá novamente o justin a falar com aquela puta vadia da namorada. ELE É MEU! Gritou uma voz dentro de mim.

Atenção momento de grande loucura e de impulso vai ser descrito aqui.

Sai do meu banco num salto e ando num passo agressivo e rápido até eles os dois. Chego ao pé dele e pego-lhe no braço e começo a levá-lo para o meu balneário o que vale é que era perto porque se não eu já não aguentava. É que ele debatia-se e não vamos comparar a minha força com a dele. Entrei no balneário e encostei-o a parede. Ele reclamou com a força que eu o empurrei.

Encostei o meu corpo ao dele e meti as minhas mãos ao pé da sua cabeça como se estivesse a empurrar a parede. Ele já nem reclamava. Apenas estava desnorteado e encarava os meus olhos. Eu gostei disso. Quero dizer, de o deixar desnorteado. Isso quer dizer que ainda tenho aqui algum poder aqui.

Deitei um sorriso malicioso. Olhei par ele e não me contive. Beijei-o como se me tivessem a tirar a minha vida. Peguei-lhe na nuca e passei a minha mão pelas suas costas.

Pedi-lhe passagem com a língua e ele cedeu. As nossas línguas estavam numa batalha eterna. Ele agora respondia mais ao beijo. Enrolou os seus dedos no meu cabelo e passou a sua mão pelas minhas curvas. E ele deixou escapar um gemido. Eu sorri. E separámo-nos…então nós precisávamos de respirar.

-isto foi só para te dizer que és meu! - Sussurrei no seu ouvido. Ele tremeu.

Eu passei a minha mão pela sua barriga com alguns abdominais já um pocinho definidos. Eu sorri para ele e ele sorriu para mim. Do outro lado ouvíamos a namorada a bater á porta.

Ele olhou para mim com os olhos a mostrar desilusão e raiva.

-apesar de eu ter dito aquilo, eu sei muito bem que não és meu! – e sai porta fora.

Voltei a sentar-me. Tive pena do grupo sexy girls. Elas tinham que imitar um videoclip que as musicas são muita lentas mas que nem bonitas são e gigantes.

Portanto ainda faltava algum tempo para a gente voltar a actuar. Olhei para o balneário e estava a sair um justin com um sorriso bobo na cara. Ele disse qualquer coisa á namorada que ela ficou com uma cara de tacho a olhar para ele enquanto que ele vinha na minha direcção. Ai meu deus será que ele vem ter comigo? Ele chegou cá e deu aqueles apertos de mão no sobrinho do zac e sentou-se ao lado dele, o único lugar livre. E que por acaso era ao meu lado. A minha mão estava a “agarrar” os dois bancos digamos assim. e ele meteu a sua mão por cima da minha. E quando percebi eu entrelacei os meus dedos com os dele. Eu e ele olhávamos bobos um para o outro. Cheio de sorrisinhos.

Talvez as coisas entre nós começasse a funcionar. Mas se não eu iria fazer qualquer coisa para que desse certo.

-madalena emprestas-me o teu telemóvel? – perguntei a uma das minhas amigas.

Ela estendeu o telemóvel e eu agarrei-o sem largar a minha mão da dele. Escrevi uma mensagem:

E agora? Como é que vai ser?

Dei-lhe um leve toque com o meu cotovelo nele. Ele virou-se e eu mostrei-lhe o telemóvel. Ele pegou nele, apagou a mensagem e escreveu uma nova.

Como é que vai ser o que?

Fiz o meus processo que ele e escrevi:

Nós. –‘

Ele pegou nele e escreveu:

Mariana não existe nós. E alem disso a nossa relação vai ser como antes…desculpa se querias algo mais mas neste momento não te posso oferecer. Mas hoje podes ir a minha casa para conversar-mos melhor?

aquela mensagem fez com que me doesse o coração. E respondi um sim. Tirei a minha mão da dele e ele olhou para mim…mas pareceu que ele entendeu.

Chamaram-nos ao palco.

Entrei com outra roupa: http://www.polyvore.com/esp%C3%A9ct%C3%A1culo/set?id=22007229

O júris começou a falar.

-nós ponderámos e escolheu-mos para vocês buttons, the pussicat dolls. Boa sorte.

Eu era a principal. Eu tive que ser sensual e sexy. E quando fazia isso olhava para o justin. E sorria. Eu já sabia cantar muito bem. Os júris gostaram muito.

o grupo sexy girls cantou a musica 3 da britney spears. Nós inventámos a musica.

Chamava-se cinderella. Era muito linda (n./a.: esta musica já existia. ). Fizemo-la ou melhor, eu fiz no primeiro dia do ensaio. Fila inspirada no justin.

A minha roupa era: http://www.polyvore.com/untitled/set?id=22007701

Entrámos no palco e começámos lougo a cantar. Todos na plateia se levantaram e começaram a cantar connosco.

When I was just a little girl,

My mama used to tuck me into bed,

And she'd read me a story.



It always was about a princess in distress

And how a guy would save her

And end up with the glory.



I'd lie in bed

And think about

The person that I wanted to be,



Then one day I realized

The fairy tale life wasn’t for me.



I don’t wanna be like Cinderella,

Sitting in a dark, cold, dusty cellar,

Waiting for somebody to come and set me free (Come and set me free)

I don’t wanna be like someone waiting

For a handsome prince to come and save me

On I will survive

Unless somebody's on my side

Don't wanna depend on no one else.

I’d rather rescue myself.



Someday I'm gonna find Someone

Who wants my soul, heart and mind

Who's not afraid to show that he loves me

Somebody who will understand I'm happy just the way i am

Don't need nobody taking care of me

(i will be there)I will be there for him just as strong as he will be there for me

when i give myself then it has got to be an equal thing



I can slay (I can slay) my own dragons. (My own dragons)

I can dream my own dreams. (My own dreams)

My knight in shining armor (shining armor) is me.

So I'm gonna set me free.



i don’t wanna be like Cinderella,

Sitting in a dark, cold, dusty cellar,

Waiting for somebody to come and set me free.

I don’t wanna be like someone waiting

For a handsome prince to come and save me

On I will survive

Unless somebody's on my side



I don’t wanna be like Cinderella,

Sitting in a dark, cold, dusty cellar,

Waiting for somebody (oh - Oh) to come and set me free.

I don’t wanna be like someone waiting

For a handsome prince to come and save me

On I will survive

Unless somebody's on my side

Don't wanna depend on no one else.

I’d rather rescue myself.



I don’t wanna be like Cinderella,

Sitting in a dark, cold, dusty cellar,

Waiting for somebody (oh -Oh)to come and set me free.

I don’t wanna be like someone waiting

For a handsome prince to come and save me

On I will survive

Unless somebody's on my side

Don't wanna depend on no one else.

I’d rather rescue myself.



(tradução da musica)

Quando eu era apenas uma menina

Minha mãe costumava me colocar na cama

E lia uma historia para mim



Era sempre sobre uma princesa em apuros

E como um homem a salvaria

E acabava gloriosamente



Eu ficava na cama

E pensava sobre

A pessoa que eu queria ser



Então um dia eu percebi

A vida de conto de fadas não era para mim.



Eu não quero ser como a Cinderella

Sentada em um porão escuro, frio, empoeirado,

Esperando que alguém venha e me liberte (venha me libertar)

Eu não quero ser como alguém que espera

Que um belo príncipe venha e me salve

Oh, não sobreviverei,

A menos que alguém esteja do meu lado

Não quero depender de ninguém.

Eu prefiro libertar eu mesma



Algum dia eu vou encontrar alguém

Quem quer a minha alma, coração e mente

Quem não tem medo de mostrar que ele me ama

Alguém que vai entender que eu estou feliz apenas da maneira que eu sou

Não preciso de ninguém cuidando de mim

(Eu estarei lá) Eu estarei lá para ele tão forte como ele estará para mim

Quando eu me dou, então tem que ser uma coisa igual



Eu posso matar meus próprios dragões (meus próprios dragões)

Eu posso sonhar meus próprios sonhos (meus próprios sonhos)

Meu cavaleiro em armadura brilhante (armadura brilhante)sou eu

Então eu irei me libertar



Eu não quero ser como a Cinderella

Sentada em um porão escuro, frio, empoeirado,

Esperando que alguém venha e me liberte (venha me libertar)

Eu não quero ser como alguém que espera

Que um belo príncipe venha e me salve

Oh, não sobreviverei,

A menos que alguém esteja do meu lado



Eu não quero ser como a Cinderella

Sentada em um porão escuro, frio, empoeirado,

Esperando que alguém venha e me liberte (venha me libertar)

Eu não quero ser como alguém que espera

Que um belo príncipe venha e me salve

Oh, não sobreviverei,

A menos que alguém esteja do meu lado

Não quero depender de ninguém.

Eu prefiro libertar eu mesma



Eu não quero ser como a Cinderella

Sentada em um porão escuro, frio, empoeirado,

Esperando que alguém venha e me liberte (venha me libertar)

Eu não quero ser como alguém que espera

Que um belo príncipe venha e me salve

Oh, não sobreviverei,

A menos que alguém esteja do meu lado

Não quero depender de ninguém.

Eu prefiro libertar eu mesma
Voltar ao Topo Ir em baixo
_Raquel_
Baby
avatar

Mensagens : 1804
Data de inscrição : 26/07/2010
Idade : 19
Localização : In my world...

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: 19 de Outubro de 2009

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Dom Out 10 2010, 23:08

continua va la!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Marta :)
Baby
avatar

Mensagens : 1298
Data de inscrição : 01/09/2010
Idade : 21
Localização : BieberLand :D

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Dom Out 10 2010, 23:52

continua *-*
Voltar ao Topo Ir em baixo
marianam
Baby
avatar

Mensagens : 1834
Data de inscrição : 19/09/2010
Idade : 20
Localização : in my little and beautiful world

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: desde á meses...

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qui Out 14 2010, 21:00

10º capitulo


Acabamos de cantar e toda a gente aplaudia. Olhei para o justin e ele estava lá a aplaudir também.

Nem saímos do palco. logo a seguir diriam quem eram as vencedoras.

Ficamos lá a ouvir o júris a dizerem aquelas porcarias e no final…

-GANHÁMOS!!!!!! - berravam as minhas dançarinas nos meus ouvidos.

Eu ri-me. Elas só me agradeciam. Fiquei com a mesma roupa…não queria saber de mudares de roupa nem nada…

Estava a ir-me embora quando sinto uma mãe no meu ombro, viro-me logo para trás e para minha surpresa estava….(bater os tambores….*hihihi sou mesmo má!*) o zac efron com o resto.

(n./a.: eu já estou farta de por negrito e não sei que então como as falas são sempre todas em inglês…se não eu aviso qual é a língua…portanto a partir de agora já não haverá mais negrito.)

-olá pessoal então o que acharam?

-eu…gostei! Até que nem é mau e tu nem danças muito mal! – disse o sobrinho do zac.

-ok… - disse um pouco desapontada. – eu ainda não sei o teu nome…

-chris! E eu estava a gozar miúda tu arrasas-te principalmente naquela parte do buttons e ai meu deus miúda… tu és mesmo gira!

Ri com aquele comentário.

-então, tu és amigo do justin…?

-amigo? Melhor amigo. Só te digo alguma coisa com uma beijoca aqui…na minha boca.

Ele estava a começar a abusar. Melhor amigo? Isso é interessante.

-amor eu quero sair hoje á noite… - disse Vanessa a fazer beicinho.

-posso ir com vocês? - perguntei um pouco envergonhada.

-ah…é claro. Isso é meio óbvio. – falou Vanessa.

O meu telemóvel estava a vibrar na minha carteira. Peguei nele e era a minha mãe que estava a ligar.

-alo? – este telefonema é feito em português. Perguntou a minha mãe.

-alô alô mãe desnaturada que nem vê a filha a ganhar o premio de dança. – disse a rir-me. Reparei que eles os três olhavam para mim com uma cara de o que é que ela está a dizer?

-omg…a serio… - a minha mãe estava a gritar ao telefonema.

-sim…mas porque é que telefonaste?

-é que bem…eu e o teu pai…queríamos…estar em casa sozinhos esta noite. – ela estava meio tímida a falar. Percebi logo o que ela queria.

-mãe…é na boa. Compreendo querer namorar é natural e com um pouco de glamour ainda melhor. Eu cá me arranjo não te preocupes…só vou ai buscar algumas coisas ai a casa, tomar um banho e saio logo. Lol vou já ai.

Desliguei o telemóvel a rir-me. Eu olhei para eles e preferi ser directa.

-a minha mãe quer namorar com o meu pai com um pouco mais de glamour e pediu-me para eu não dormir em casa. Vocês por acaso não sabem onde é que há por ai um motel baratinho não?

Eles começaram a rir-se.

-um motel? Estás a gozar certo? Ficas mas é na nossa casa e ponto final.

Finalmente tinha uns amigos verdadeiros.

-preciso de ir a casa…dão me boleia? – perguntei.

-yap claro que sim… - respondeu o zac.

A viagem foi calma e divertida ao mesmo tempo. Eles eram todos muito simpáticos. Finalmente me sentia feliz.

Chegámos a casa.

-lar doce lar. – Disse em português.

Já estava habituada aos olhares estranhos quando eu falo em português por isso nem liguei ao olhares que mandaram.

Entrei e quando olhei para trás eles estava na porta sem entrar. Estão muito envergonhados. Eu ri-me.

-entrei…ou estão com medo? – falei e eles ficaram muito vermelhos de vergonha.

Entrámos.

-mãe chegámos olha tenho aqui amigos…mas nós vamos embora rápido… - falei novamente em português.

Eles já nem ligam quando eu falo em português apenas ficam com curiosidade de saber o que eu estou a dizer.

-vamos. – chamei-os para subir as escadas.

Subi os degraus de dois em dois. E entrei no meu quarto. o meu quarto é grande com uma cama de casal com lençóis de cetim em vermelho. O tecto era preto e por isso parecia que o quarto era pequeno…e a parede do lado direito de quando se entra no quarto é vermelha. No canto inferior direito do quarto há uma cómoda e um roupeiro de madeira. O meu quarto parece que está dividido em dois. Porque há outra divisão dentro de ele, a casa de banho. a casa de banho está num forma de cubo “colada” ao canto superior do lado esquerdo do quarto. portanto a parede da casa de banho parece que divide o quarto. na parte esquerda do quarto, é toda revestido por espelhos.

-wow… - foi o que disseram quando entraram.

-obrigada. – disse.

-ah…Vanessa vai ai ao meu armário escolhe qualquer coisa para mim enquanto eu tomo banho…

Eles sentaram-se na minha cama enquanto a Vanessa s se levantava para ir ao roupeiro escolher qualquer coisa. Fui para a minha casa de banho. tomei um banho rápido mas relaxado. Sai da casa de banho enrolada numa toalha.

Os rapazes estavam a olhar para mim embasbacados…esqueci-me completamente que tinha rapazes no meu quarto. a minha mãe entrou no quarto. só espero é que ela não me ralhe que eu esteja de toalha á frente de rapazes.

-mariana o que é que estás a fazer? – gritou a minha mãe comigo em inglês. – eles são rapazes mariana…e tu estares apenas de toalha á frente deles não aceito. Vais ficar de castigo.

Não de castigo não por favor.

-ah…mas mãe…é que eles são gays…portanto não há problema…

Ok esta desculpa foi muito má.

-então e a rapariga? Eles os dois parecem namorados… - disse a minha mãe apontado para o zac e Vanessa.

-ela é irmão dele e eles estão sempre agarradinhos…sabes como é, amor de família.

Ela estava desconfiada mas pareceu que tinha acreditado. Ela saiu do quarto.

-gays? Irmã? Não podias ter utilizado outra desculpa? – falaram os três ao mesmo tempo.

-esperem esperem um de cada vês. Gays…dah…até foi uma boa desculpa…e alem disso ela nunca se importou apenas estava a ralhar comigo porque estava a fazer o papel de mãe á vossa frente. Apenas…irmã…o zac não podia ser gay e ter uma namorada.

Eles deixaram de reclamar mas ainda se via nas suas caras que não tinham gostado.

-AH MARIANA SAI RAPIDO…POR FAVOR…TENS 10 MINUTOS PARA TE DESPACHAR. – gritou a minha mãe fora do quarto.

A Vanessa olhou para mim e empurrou-me para dentro da casa de banho com a roupa, lingire e maquilhagem.

Eu comecei a vestir a langeri enquanto que ela penteava o meu cabelo. Ela ajudou-me a vestir o vestido. Eu nem sei que vestido é que eu tenho para dizer a verdade. A minha casa de banho não tem espelhos por isso não sei. Disse que não queria maquilhagem e ela entendeu e fomos embora.

Roupa: http://www.polyvore.com/untitled/set?id=22619318

Fomos ainda para casa deles. E eu esperei no sofá enquanto que eles os três se arranjavam.

Eles estavam os três a descer as escadas e estavam todos muito bonitos.

Fomos numa limousine…acho que para onde íamos era uma festa gigantesca onde todos os famosos iam para lá. Acho que me vou sentir esquisita. É que eu não sou famosa né?! Mas não que me importa-se de ser. a festa devia ser longe porque ainda demoramos uns 20 minutos. Chegámos lá e eu fui a ultima a sair da limousine. Uma coisa que eu reparei na limousine, eu sou a mais morena dos três e agora a vestir branco ainda realça mais o bronzeado.

O crhis estava á minha espera. Ele ia para me agarrar pela cintura mas eu retirei.

-o que é? – perguntou ele confuso quando eu recuei.

-desculpa mas eu não gosto desse tipo de proximidade. – disse enquanto eu seguia atrás do zac e da Vanessa.

Tínhamos que passar por um tapete vermelho e lá tinham muitos fotógrafos. Os fotógrafos tiravam muitas fotos…a mim acho que foi só uma vez. O meu telemóvel começou a tocar na minha carteira.

Olhei para ele era a thora a namorada do meu irmão.

-estou? – perguntou ela.

-olá…e então?

-eu vi-te a sair de uma limousine e a ires para uma festa…eu estou ai perto muito pertinho e também vou para essa festa…

-ah queres que eu espere por ti é isso?

-sim.

Desliguei o telemóvel e reparei que os meus amigos esperavam por mim.

-vão andando…só estou á espera de uma amiga, ok?!

-ok. – disseram e seguiram.

Sai da fila…e fui para perto dali. até que percebo que me estão a tocar no meu ombro.

-olá. – diz a thora.

Não aguentei e abracei-a. Ela contribui-o com o abraço.

-vamos? – perguntou.

-claro.

E segui-mos. Quando metemos os pés na passadeira vermelha começaram a tirar bue fotos…a mim e a ela. Chegámos finalmente á porta e tivemos que parar para dizer o nome. Olharam para mim com altos olhos porque eu não tinha o meu nome na lista, óbvio, mas como estava com ela deixaram.

Entrámos e eu ui-me sentar. Ela como estava sozinha seguiu-me.

-e então…- começou ela.

-então o que? – perguntei.

-com quem é que vieste?

-ah…é isso. Vi com o chris, o zac e a Vanessa.

-o zac? Que zac…?

-zac efron. – disse como se fosse óbvio.

Ela ficou de boca aberta para mim e pronto ai vem o histerismo.

-estás assim porque? Tu és famosa também deves andar com todos os famosos…



-mais ao menos. Mas o zac efron e a Vanessa? Eles não se dão com ninguém. tens que ser muito importante…muito fixe para te dares com eles.

-ah e sou a melhor amiga da Vanessa!

-o que? A serio…ouve rapariga o que é que tu fizeste?

-nada. Olha tens ali uma rapariga a chamar-te.

-ah…então vemo-nos depois.

-sim.

Ela foi-se embora e eu fui á mesa da comida comer qualquer coisa. Tirei umas batatas fritas.

Lembrei-me do justin. Nós tínhamos combinado que iríamos nos encontrar na casa dele. Porra. Pego no meu telemóvel e digito uma mensagem:

Desculpa justin mas hoje não vai dar para conversar é que me esqueci de ti e aceitei ir a uma festa. Combinamos outro dia.

Desculpa …XS

Beijos.

Mariana <3

E mandei. Em muito pouco tempo ele respondeu:

Não faz mal. Eu também tive que vir a uma festa…em qual é que tu estás? Mas bem mesmo que queira nesta festa tu não podes entrar…é só para famosos.

Agora não respondas que eu tenho que ir dançar.

Alguém agarra-me pela cintura e meteu a cabeça encostada no meu pescoço. olho para trás para ver quem é e quando vejo que é um homem…mas não era um homem qualquer…era o kenny. Afastei-me dele. Eu estava zangada com ele.

-o que é que se passa? – perguntou.

-o que se passa? Tu ainda perguntas…pensava que éramos amigos.

-e somos.

-um amigo não trai o outro. Um amigo quando sabe que o outro amigo gosta de outro…não ajuda…

-o que? – perguntou ele confuso.

-tu sabes muito bem que eu gosto do justin, mas tu podias fazer apenas o teu trabalho de segurança…mas não…tu até tinhas que ajudar o justin com a ashley né?! Sabes que mais deixa-me em paz.

Espera lá. Agora lembrei-me de uma coisa. O kenny está sempre com o justin…então se ele está aqui é porque o justin também está. Merda.

Choco contra alguém.

-desculpa…

-queres dançar? – pergunta nick Jonas. Digam isto é que é uma vida.

-pode ser. – disse com indiferença.

Ele pegou-me na mão e levou-me até á pista de dança. Mas mesmo ao nosso lado estava justin a dançar com a selena gomez.


______________________________________

o próximo ja vai demorar mais porque, nao e que eu ja nao o tenha escrito, porque ja, mas eu escrevi no meu portatil e o word do meu pc e de 2007 e o da fabrica (neste) e de 2003...o meu esta para arranjar...
Voltar ao Topo Ir em baixo
_Raquel_
Baby
avatar

Mensagens : 1804
Data de inscrição : 26/07/2010
Idade : 19
Localização : In my world...

Justin Bieber
Desde quando tens Bieber Fever?: 19 de Outubro de 2009

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Qui Out 14 2010, 21:34

Continua muito rapido
Voltar ao Topo Ir em baixo
Marta :)
Baby
avatar

Mensagens : 1298
Data de inscrição : 01/09/2010
Idade : 21
Localização : BieberLand :D

MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   Sex Out 15 2010, 00:03

adorei (L)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
my silly life (novo titulo. antigo: justin inimigo ou justin namorado?)
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 15Ir à página : 1, 2, 3 ... 8 ... 15  Seguinte
 Tópicos similares
-
» SCAR FOR LIFE - novo album IT ALL FADES AWAY
» Novo Cort gb75 - 74 Modelo 2011
» Vem aí o novo single de Michael Jackson: Behind The Mask
» Randy e Jermaine Jackson são contra novo tributo a Michael Jackson
» Justin Bieber apostava corrida ao bater sua Ferrari, afirma site

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Justin Bieber Portuguese Forum :: Multimédia :: Fanfics-
Ir para: